Notícia


Antenado, Maurílio tem monitorado previsão do tempo em Brusque


Sob sol forte no Adauto Moraes, o Cancão venceu por 1x0 na segunda-feira e abriu vantagem sobre o Brusque no duelo de ida das quartas de final da Série D. No próximo domingo (21), as condições se invertem completamente. A partida decisiva pelo acesso à Série C na cidade catarinense terá uma temperatura incomum para os atletas da Juazeirense. A previsão do tempo mostra uma variação da temperatura entre  14°C e 24°C na cidade catarinense. O Cancão joga pelo empate para se classificar.

Para superar o frio, o Cancão conta com um técnico com experiência em baixas temperaturas.  “Eu joguei no Paraná e tive alguns jogos em Santa Catarina contra Joinville e Avaí em momentos de frio. Joguei muito tempo também no Juventude, no Grêmio, aonde peguei frios intensos, com jogos a 1°C, 2°C, 3°C, muito frio mesmo... O atleta tem que se desdobrar. Aquecer bem, manter uma boa concentração e dentro de campo não dá pra parar”, observa Maurílio Silva, recordando dos tempos de atleta. 

O técnico, inclusive, tem olhado diariamente a previsão do tempo da cidade catarinense para domingo. “Tenho acompanhado o climatempo. Vai estar intermediário e acredito que os atletas não vão sentir. Se bem que para o Nordestino 14° já é muito frio. Mas estamos prontos para  superar. Nossa preocupação maior é o adversário”, ressalta o técnico do Cancão, que vai para o seu terceiro jogo a frente da equipe. Até aqui, um empate (0x0 com o Iporá) e uma vitória, sobre o próprio Brusque.

E ligado nos catarinenses, o elenco trabalhou na tarde desta quarta-feira no campo do Adauto Moraes. Os atletas que não atuaram na segunda fizeram um treino técnico, que teve a participação do meia Clebson, suspenso do jogo de ida por conta do terceiro amarelo - Maurílio conta com todos os atletas a disposição.  Os  jogadores que atuaram no jogo de ida fizeram um trabalho regenerativo. O Cancão segue para a cidade de Brusque na sexta-feira.