Notícias

Cancão vence Atlântico e confirma vaga nas semifinais do Baiano


Cirúrgico no gramado de Pituaçu, a Juazeirense bateu o Atlântico por 3x1 na noite desta quarta-feira (08) e carimbou vaga nas semifinais do campeonato Baiano. Uma vitória construída com gols de Júnior Gaúcho, Jildemar e Rayllan - Matheus descontou a equipe adversária, rebaixada com o resultado. Com 19 pontos (70,4% de aproveitamento), o  Cancão classificou como terceiro colocado e agora enfrenta o Bahia, segundo, com um ponto a mais. O primeiro confronto da semifinal acontece no dia 18, no Adauto Moraes. 

A sexta vitória da equipe no estadual começou logo aos sete minutos de jogo. Após escanteio, o goleiro Ferrari saiu mal e a bola caiu nos pés do volante Júnior Gaúcho, que bateu rápido e abriu o placar em Salvador. A frente do placar, o Cancão optou por uma postura mais cautelosa e passou a jogar no contra-ataque. E numa tentativa de afastar o perigo da área, Jussimar acabou dando um passe para Bida, que cruzou para Matheus empatar o jogo aos 39 minutos. 

Gol que fez a Juazeirense acordar mais na partida. E quando o jogo encaminhava empatado para o intervalo, Bruno Matos fez uma grande jogada pela esquerda. Cortou pra dentro, fez tabela com Jussimar e saiu na cara do gol. Chute forte, defesa parcial do goleiro e no rebote Jildemar só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes: 2x1.

O segundo tempo começou da mesma forma. Posse de bola do Altântico e o Cancão esperando o momento certo de atacar. Algo que aconteceu aos 28 minutos. Numa bela escapada pela direita, Jussimar deu uma assistência para  o pequenino Rayllan, que dominou e bateu com categoria para fazer 3x1. Fim de papo e Cancão classificado. 

 

FICHA TÉCNICA

Atlântico: Ferrari, Michel (Ademir), Abdala, Alan e Vicente; Antonio Carlos, Jean Carlos (Meidson), Michel e Bida; Matheus e Vitor (Hugo). Técnico: Eduardo Bahia.

Juazeirense: Rodolfo, Capone, Emílio, Eron e Altemar; Waguinho, Júnior Gaúcho, Bruno Matos (Patrik) e Jussimar (Sassá); Raylan e Jildemar (Eduardo). Técnico: Zaluar.

Gols: Júnior Gaúcho, aos sete, Matheus aos 39 e Jildemar aos 46 do 1º/t; Rayllan aos 28 fo 2º/t. 

Arbitragem: Edvalter Marinho dos Santos, auxiliado por José dos Santos Amador e Carlos de Oliveira.